quarta-feira, 24 de maio de 2017

TE AMO TANTO



Antes mesmo de nascida surgir,
teu suave perfume exalava em mim!
Destinada a eternamente te amar pela Vida segui...

Aos primeiros passos já te busquei...
Em inocentes brincadeiras te imaginei...
E, um dia, em eterno sonho tua face eu vislumbrei.

Tua presença de mim se acercava
embora teus olhos eu ainda não os enxergara,
até que tua doce voz a mim se voltou
e reconheci em Ti o Amor que enfim chegou!

A paixão enlouquecida transformou
à Alma perdida que de Amor transbordou
em covarde fuga de um possível destino
que o Medo não o afrontou.

Em cruel solidão me encontrei...
Em plena escuridão caminhei...
Mas teu canto foi o acalento que sempre desejei!

Sem saber o que encontrar
tua Alma eu fui novamente buscar
e a Luz voltou a me iluminar!

Deixar-se a Teu Ser amar
é a si mesmo encontrar!

Nunca me peças
para algum dia eu te esquecer
Isso nunca possível foi!
Pois que apartar uma fração que seja de Ti
é mutilar parte Vital de mim!

Poema de Della Coelho
Imagem: google.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário